Quais gastos terei após comprar uma franquia?

Quais gastos terei após comprar uma franquia?

Você que está pesquisando franquias e investimentos, já parou para pensar: Quais gastos terei após comprar uma franquia?

Nem tudo esta previsto no valor de investimento inicial projetado pelas franqueadoras.

 

Entenda o investimento inicial

Você precisa entender o que está incluso no Investimento Inicial da franquia.

Esse valor inclui não apenas o preço pelo direito de uso da marca, mas na maioria dos casos inclui também:

  • Apoio na implantação da franquia
  • Experiência da franqueadora
  • Treinamento e desenvolvimento do negócio
  • Mobiliário e reforma (no caso de loja física)
  • Estoque inicial, matéria-prima
  • Capital de giro
  • Despesas com funcionários
  • Luvas (compra do direito de uso do ponto comercial)

 

Quais gastos terei após comprar uma franquia?

 

1. Pró-labore

Algumas marcas preveem no plano de negócios um salário para o dono da franquia. Outras não.

Mesmo se houver previsão de pró-labore desde o começo da operação, certifique-se de ter uma reserva extra para possíveis imprevistos e que o valor atenda a sua necessidade pessoal.

Afinal você não quer fazer retiradas pessoais do seu negócio e prejudicar o crescimento da franquia, não é mesmo?

 

2. Marketing local para a franquia

Tenha também um valor adicional reservado para seu marketing local.

Além do fundo de marketing obrigatório que as franqueadoras cobram dos franqueados, recomendamos dobrar esse valor.

Invista esse valor com inteligência, garantindo que está entregando a mensagem certa para seus clientes.

 

3. Royalties

Verificou o valor mensal que será pago de Royalties para a franqueadora?

Veja se o valor está dentro da média paga para o segmento. Pergunte ao franqueador o motivo no caso de um valor muito fora da média.

 

4. Renovação da franquia

Na COF (Circular de Oferta de Franquia) verifique como funciona a renovação da franquia após o término do contrato.

Confira também as taxas e obrigações no caso de quebra de contrato por parte do franqueado.

É preciso ter clareza sobre as regras no caso do negócio não dar certo ou desistir no meio do contrato.

 

5. Despesas de manutenção

Importante prever despesas para manutenção dos equipamentos.

No investimento inicial normalmente já se prevê a aquisição de máquinas e equipamentos necessários para a loja operar.

Porém, dependendo do maquinário, pode ser necessário manutenção periódica. Esse custo pode estar, ou não, incluso no seu planejamento.

 

6. Despesas de reforma

Após alguns anos sua loja começará a ficar caidinha e nenhum cliente gosta de entrar em uma loja mal cuidada, certo?

Portanto, reserve um caixa para de tempos em tempos, dar aquela renovada na estrutura interna e externa da loja.

Esse tipo de manutenção ajuda a manter a fidelidade dos clientes e atrair novas clientelas.

 

7. Despesas com transporte

Alguns tipos de negócio demandam que o franqueado compre matéria prima ou produtos de seus fornecedores, sendo que em alguns casos, o próprio franqueado fica responsável por retirar a mercadoria de seus fornecedores.

Lembre-se, essa despesa de transporte, mesmo que seja com seu veículo particular, também entra nas despesas da empresa.

Em alguns casos pode ser necessário até um fretamento especial como um caminhão ou um veículo refrigerado. Fique atento!

Diego Simioni
Diego Simioni
Empreendedor, CEO do FranquiaZ e nas horas vagas caçador de oportunidades de negócio.

1 Comentário

  1. Roberio souza disse:

    Muito bom me ajudo
    É esclaresi sertas duvidas aõ fechar
    Negocios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CANSADO DE CONTEÚDOS SUPERFICIAIS?

Receba conteúdos e materiais REALMENTE ÚTEIS sobre franquias

Fique tranquilo, não faremos SPAM e nem venderemos seu email.