Franquias: Oportunidade para trabalhar no que você ama?

franquia-oportunidade-trabalhar-no-que-ama

Cuidado com a paixão pelo negócio

Todos têm o sonho de trabalhar em algo que gostamos. Já imaginou a delícia? Sim, trabalhar fazendo o que gosta ou com o produto que gosta, que tem paixão em consumir?

Mas atenção:  paixão pode cegar, verdade?

Quantas vezes ouvimos falar que “que o amor é cego”?

É importante que o gostar não lhe cegue a ponto de não ver as exigências diárias da marca escolhida por você.

 

Gostar de algo não necessariamente fará você ter sucesso empreendendo no ramo.

 

Entenda a diferença entre afinidade e prazer x capacidade e habilidade.

Imagine um adepto de um hobby ou que pratique um esporte em suas horas vagas, com seu círculo de amigos, abrir uma loja de venda de produtos ou serviços dentro deste segmento.

Em primeiro lugar, após a abertura da franquia, certamente o tempo para este hobby será diminuído, visto que você estará à frente do negócio e dedicando mais tempo às funções administrativas e gerenciais.

Funções estas que talvez você não seja habituado a fazer.

Dependendo do negócio, seus sábados – e em alguns casos os domingos também – serão dedicados à sua nova função de franqueado.

E, em segundo lugar, quem disse que gostar de um determinado assunto, esporte ou produto o habilita a empreender?

Sendo assim, cabeça fria na hora de escolher sua franquia.

 

Compromisso e motivação para empreender

O complicado é que, muitas vezes, procuramos comprar uma franquia quando estamos insatisfeitos com a vida profissional que estamos levando no momento.

Assim, tudo que aparece diante de nossos olhos aparenta ser super atrativo ou, pelo menos, mais atrativo que é na realidade.

Com visão míope conseguimos ver apenas o glamour, as vantagens do negócio.

Ser seu próprio patrão, não ter horário, soa magnífico para você? Sim?

Pense comigo: você será o único responsável pelo sucesso da nova empresa.

 

franquia-work-harder

 

Motivar funcionários, gerir números e pessoas, agir sob pressão, assumir riscos, serão algumas das atividades que mesmo que orientadas pelo franqueador, serão de sua responsabilidade desempenhar.

E em um determinado momento você começa a observar que existe um produto ou serviço que faz falta em seu bairro.

E isto não necessariamente é indicador que você tenha aptidão para trabalhar com este segmento.

Não é obvio que você tenha habilidades para operar o negócio apenas porque entende que existe uma demanda em sua comunidade.

Além do que, não é certeza que você estará feliz à frente deste negócio.

 

Aptidão pelo segmento da franquia

E se a necessidade que você detectou em seu bairro há a possibilidade de ser preenchida empreendendo com uma franquia de uma marca conhecida e que tenha muitas unidades?

Deste modo você terá sucesso?

Digamos que há probabilidade, mas com uma ressalva: será que você tem as aptidões necessárias para tocar o negócio?

Você preenche as exigências feitas pela marca?

Neste momento você tem que analisar se o seu perfil é realmente adequado à franquia escolhida e se você se vê atuando full time no dia a dia do negócio.

 

banner-coaching-franquias

 

Cuidado com as referências de sucesso

Um amigo seu, um conhecido tem a franquia dos sonhos: consolidada, dando lucro e ele está feliz.

Isto pode ser uma pista de onde empreender. Esta referência é confiável?

Em parte, sim, mas lembre-se que ele pode ter lhe dado esta sugestão porque:

  1. Está realmente realizado devido a sua performance de vendas x resultado.
  2. Quer mostrar mais sucesso do que realmente tem para não ficar por baixo perante amigos ou até porque seu ego não permite assumir que algo não está tão bem assim.
  3. Está motivado a informar um sucesso porque recebe algum incentivo da rede para indicar novos franqueados.

Não há nada de errado nas razões acima, mas o que sugiro você refletir é:

 

Porque seu amigo está tendo sucesso não é certeza que você também terá.

 

Ele certamente tem uma formação, profissão, vivências, históricos, experiências, relações familiares diferentes das que você teve.

E, se quem indicou é um super amigo, ok, vocês tem muitas afinidades, mas certamente vocês têm gosto e estilos que se diferem.

Pense que a oportunidade que vislumbra sucesso de quem lhe indicou, não é certeza do seu sucesso.

Lembre-se que a franquia perfeita não existe, ou seja, aquela que tem “sucesso garantido” é utopia.

O melhor é listar seus objetivos, suas qualidades, características, desejos e colocar-se no centro do negócio pesquisado, afinal de contas, você é o responsável pelo sucesso do seu negócio.

Listando suas habilidades e desejos procure franquias que se encaixem em maior número de itens possíveis, maximizando as chances de sucesso.

Com você no centro da operação, tente combinar o maior número possível de atividades, estilos, características.

 

ba-instinto-empreendedor

 

Faça uma lista de habilidades

Para listar suas habilidades que lhe ajudarão a identificar a franquia mais adequada para seu estilo e objetivo, você pode ou recorrer a um assessment (ferramenta de avaliação e desenvolvimento direcionada para análise de comportamentos) que melhor identificará e confirmará suas aptidões e pontos de melhoria.

Em que área você atuou? Em relação a finanças, como sente-se em relação à gestão financeira? E gerindo pessoas? Técnicas de vendas, logística, compras, estoque?

São pontos importantes a levantar para que você possa avaliar que áreas há identificação e em que áreas você terá que dedicar um esforço maior para empreender com franquias.

 

franquia-lista-habilidades

 

E, por último, veja se suas características combinam com suas habilidades e exigências da marca. Quando você descobre que as aptidões requeridas por uma franquia são as que você identificou sendo as suas próprias, você acaba de descobrir que aquele negócio é exatamente a combinação destas duas coisas e, consequentemente, com mais chances de “dar certo”.

Resumindo, na prática, munir-se de estratégias para se aproximar o máximo possível da certeza de estar empreendendo um negócio que pode, em suas mãos, ser um verdadeiro sucesso!

Identificando qualidades e bagagens, construindo seu próprio modelo do que seria um negócio que possa lhe trazer felicidade e sucesso financeiro, é a hora de sair para o mercado para conhecer negócios que venham a coincidir com seu formato de atuar e viver.

Que venham a combinar com o maior número de habilidades requeridas pelo franqueador com as suas aptidões identificadas e listadas.

Agora….esta é a hora de começar a listar suas preferências, desejos e competências. Boa sorte!

Maria Luiza Brufatto
Maria Luiza Brufatto
Palestrante, Especialista em gestão de vendas, com forte atuação no comercial de empresas nas áreas de Varejo, Arquitetura e Construção Civil, Indústria, Atacado e Franchising.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CANSADO DE CONTEÚDOS SUPERFICIAIS?

Receba conteúdos e materiais REALMENTE ÚTEIS sobre franquias

Fique tranquilo, não faremos SPAM e nem venderemos seu email.