Franquia de Alimentação: Tudo que você precisa saber para fazer um bom negócio

Franquias de Alimentação - Guia Completo

As franquias de alimentação são responsáveis pelo maior número de unidades de franquias no Brasil e, sem dúvida, apesar da variedade de segmentos disponíveis no mercado de franquias, continuam no topo da preferência de quem quer abrir uma franquia.

Com o objetivo de ajudar você a entender mais sobre as franquias de alimentação, preparamos um guia completo para responder todas as dúvidas que você tenha sobre franquias deste segmento e ajudá-lo a fazer um bom negócio!

 

O mercado das franquias de alimentação

Existem no Brasil em torno de 25.000 unidades de franquias de alimentação.

Em 2015, segundo a ABF, o crescimento do número de franquias do segmento foi de 10% ou seja, mesmo sendo um segmento maduro do franchising, as franquias de alimentação continuam ganhando terreno.

Mais do que o surgimento de novas marcas de franquias de alimentação o que move o crescimento dessas franquias são as vantagens que elas têm apresentado em relação aos negócios independentes.

Alguns fatores fazem com que as franquias deste segmento sejam particularmente bem sucedidas: força da marca e consequente credibilidade frente ao consumidor, ganhos na operação, condições especiais de negociação com fornecedores e investimentos contínuos em marketing e divulgação.

 

Quais os principais tipos de franquias de alimentação

Gosto de dividir o segmento de franquias de alimentação em dois grandes grupos: o primeiro voltado ao serviço, onde as refeições são preparadas e servidas, seja no local ou entregues pelo sistema de delivery e, o segundo de franquias de venda de produtos alimentícios.

Essa distinção é importante para quem vai abrir uma franquia pois apesar de estarmos falando de franquias de alimentação, o dia a dia do negócio tende a ser bastante diferente.

 

Franquias de alimentação que oferecem refeições:

Nesse grupo estão as franquias de restaurante, fast food e lanches.

Essas franquias representam a maior parte do mercado de franquias de alimentação e normalmente, exigem maior dedicação do franqueado no negócio pois necessitam um número considerável de funcionários.

Precisam de mão de obra para preparar as refeições no local (ou ao menos parte dela) e normalmente atuam em diferentes turnos e também nos finais de semana.

Outro ponto de atenção no gerenciamento dessas franquias é no controle de estoques, principalmente para evitar desperdícios de alimentos e perecíveis e garantir que haja falta de algum produto.

Um exemplo de franquia dessa categoria é a franquia Bello Pastel que além de pastéis, oferece também um mix completo de refeições e sobremesas.

Outros exemplos são a franquia do China in Box, a franquia do Griletto e a própria franquia do McDonald’s.

 

Programa Empreendendo com Franquias

 

Franquias de venda de produtos alimentícios:

Nesse grupo estão presentes as franquias que vendem produtos prontos, como por exemplo franquias de alimentos congelados, ou franquias que vendem produtos para o consumidor realizar o preparo em casa, como por exemplo, franquias de alimentos saudáveis e franquias de alimentos orgânicos.

Nessas franquias o produto já chega pronto ao franqueado.

Suas principais atividades são realizar marketing local para atrair clientes para sua loja, prezar pelo bom atendimento dos clientes e gerenciar o estoque para não faltar nenhum produto, mantendo as gôndolas cheias.

Como exemplo dessa categoria podemos citar a franquia da Terra Madre, que oferece produtos naturais e orgânicos, desde frutas, verduras e legumes, como também cereais e outros produtos embalados para dietas balanceadas ou dietas com restrição de lactose e glúten.

Outros exemplo dessa categoria de franquia de alimentação são as franquias da Substância Gastronomia Light, de refeições saudáveis congeladas e também a franquia do Mundo Verde.

 

Tendências das franquias alimentação

Aparentemente tradicional, o segmento de alimentação vem passando por transformações principalmente por conta de mudanças no hábito dos consumidores.

Mais conscientes, muitos consumidores têm buscado uma alimentação saudável fazendo com que franquias de alimentos saudáveis e franquias de alimentos orgânicos ganhem destaque e se tornem um dos vetores do crescimento do setor.

Além do produto em si, tem crescido no mercado, franquias de comida saudável com formatos diferentes de entrega de produto e que fogem do tradicional “modelo restaurante”.

Um dos exemplos, são as franquias de alimentação saudável congelada, com formatos para retirada na própria loja, entrega delivery e até mesmo de microfranquias.  

Outra tendência do segmento é a utilização de tecnologia.

Os aplicativos de delivery de refeições ganharam importância nos últimos anos e as próprias marcas tem investido em seus aplicativos e outros formatos para facilitar os pedidos e atendimento na própria loja.

 

Quais as principais franquias de alimentação do Brasil

No ranking de franquias de alimentação, as marcas tradicionais obviamente continuam em destaque.

Hoje, as 5 maiores franquias do mercado de alimentação são:

  1. Franquia Subway: 2.153 unidades
  2. Franquia Cacau Show: 2.045 unidades
  3. Franquia AM PM: 2.039 unidades
  4. Franquia McDonald’s: 1.916 unidades
  5. Franquia Bobs: 1.056 unidades

Além de franquias tradicionais do segmento, marcas menores no mercado, também chamam atenção de investidores.

 

Melhores franquias de alimentação

Além das grandes franquias, uma opção para quem quer abrir uma franquia de alimentação são marcas menores que oferecem bom potencial de retorno para franqueado.

Nossa tendência é buscar as marcas mais famosos do mercado, que possuem uma marca amplamente conhecida.

Essa estratégia não pode ser considerada errada entretanto, tenho percebido que um caminho alternativo e muitas vezes melhor é apostar em marcas menores, que ofereçam um bom modelo de negócio e um bom produto.

 

A melhor franquia de alimentação não é necessariamente a maior!

 

Explico: um dos principais fatores de sucesso quando falamos do varejo alimentício é o ponto comercial.

Normalmente em grandes marcas, as melhores regiões já estão ocupadas por algum franqueado da rede.

Aliás, isso é natural: quando uma franquia é mais nova no mercado, seus primeiros franqueados têm a oportunidade de escolher os excelentes territórios.

E você, pode ser um deles.

 

Qual a lucratividade de uma franquia de alimentação

Uma das preocupações de qualquer um que vai comprar uma franquia é sua lucratividade, não é mesmo?

Franquias de alimentação normalmente tem sua lucratividade na casa dos 8% a 20%.

Aliás, se encontrar promessas com lucratividade muito fora desses parâmetros desconfie e questione o franqueador.

Para você entender qual a lucratividade de uma franquia de alimentação, além de coletar estimativas de faturamento de outras unidades, a dica é avaliar 3 itens:

  1. Os custos com comida (insumos): o custo da comida, ou custo da mercadoria vendida (CMV) é normalmente o maior custo de uma franquia de alimentação. Os custos de comida giram em torno de 30% a 38%. Lembre-se de questionar sobre os custos com perda de mercadoria, que são comuns em alguns modelos de franquia de alimentação e que devem estar inclusos dentro do CMV.
  2. Custos de ocupação: como franquias de alimentação normalmente necessitam de bons pontos comerciais para ter sucesso, uma boa negociação do ponto comercial pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso da franquia no longo prazo.
  3. Custos com pessoal: franquias que realizam o preparo da refeição no local apresentam maior custo com a folha de pagamentos pois além de pessoas para atendimento, são necessárias pessoas cuidando do preparo, portanto seu faturamento ou sua margem precisam  “compensar” o custo com pessoal.

 

Qual o perfil do franqueado de uma franquia de alimentação

Acredito que uma das principais características do franqueado é a vontade de se dedicar ao negócio.

Na maior parte das franquias deste segmento, o franqueado deverá se dedicar quase que integralmente ao negócio.

Além disso, uma boa gestão de pessoas, intensidade operacional, atenção aos detalhes e principalmente, o desejo genuíno de servir bem aos outros, são características que fazem um excelente franqueado do segmento.

 

 

Qual é o dia a dia de uma franquia de alimentação

As principais atividades diárias de um franqueado de uma marca do segmento de alimentação são:

  • Compra de produtos
  • Gestão de estoques
  • Contratação e gestão de equipes (lembre-se que a troca de funcionários é alta no segmento)
  • Controles financeiros e gestão do fluxo de caixa
  • Marketing local e parcerias
  • Controle da operação e limpeza
  • Gestão de entregas (quando a franquia oferecer delivery)

 

Quais os pontos de atenção para administrar uma franquia de alimentação

Em geral, franquias de alimentação são intensivas em mão de obra portanto, treinamento e motivação da equipe são atividades frequentes e as quais o franqueado não deve descuidar.

Lembre-se o cliente precisa ser bem atendido sempre.

O gerenciamento de estoques também é função importante em qualquer franquia de alimentação pois na maioria dos casos, o franqueado está mantendo em estoque produtos perecíveis, que precisam ser armazenados da maneira correta e aproveitados de forma a evitar ao máximo o desperdício.

Por último e não menos importante, quando se trata de alimentação é fundamental colocar a higiene e limpeza como prioridade.

Lembre-se que a vigilância sanitária fiscaliza o setor e você não vai querer uma surpresa negativa, não é mesmo?

 

Quanto custa para abrir uma franquia de alimentação

Existem diversos modelos de franquias de alimentação, desde

  • Microfranquias com investimento inicial em torno de R$10.000 a R$30.000
  • Franquias de quiosque de alimentação com investimento na casa dos R$80.000 a R$150.000
  • Franquias de modelos de restaurante tradicionais para consumo no local com investimentos a partir de R$80.000 até mais de um milhão de reais!

 

Contrato de franquia de alimentação: o que você precisa estar atento

Uma parte importante do processo de escolha de uma franquia de alimentação é a análise do contrato de franquia.

Aqui valem alguns cuidados específicos:

  1. entenda quais são os valores devidos a franqueadora
  2. onde estão localizados os fornecedores homologados pela franqueadora
  3. se conseguem atende-lo sem que o custo com frete invalide a operação

Outro ponto de atenção é com relação ao território, particularmente quando falamos de franquia delivery.

Nesses casos, a sua área de entrega deverá ser claramente definida no mapa e seu território de entrega deverá ser exclusivo.

 

Como escolher um ponto comercial para uma franquia de alimentação

Para escolher um bom ponto comercial para uma franquia de alimentação é fundamental entender qual é o perfil de seu cliente e como ele se comporta em relação ao produto que você oferece.

Por exemplo, existem franquias de alimentação de salgados onde o foco é a compra por impulso.

Nesses casos, é fundamental um ponto comercial onde existe grande fluxo de pessoas circulando a pé.

Outras franquia, como é o caso de franquias de restaurante como foco em servir refeições mais elaboradas, chamados de casual dinning, o cliente pode estar disposto a se deslocar com o objetivo específico de ir até sua unidade.

Nesse caso, dizemos que o produto oferecido é “destino”.

Franquias desse tipo precisam estar em pontos com boa visibilidade e que tenham boa facilidade para estacionamento, e preferencialmente, onde exista fluxo de pessoas durante a noite, para que seu restaurante não fique isolado em uma vizinhança que pareça insegura.

Já franquias de alimentação que tem o foco em delivery, podem escolher pontos comerciais com aluguel mais barato e focar no trabalho de marketing local.

 

Aprenda tudo aquilo que ninguém lhe conta sobre Franquias

Diego Simioni
Diego Simioni
Empreendedor, CEO do FranquiaZ e nas horas vagas caçador de oportunidades de negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CANSADO DE CONTEÚDOS SUPERFICIAIS?

Receba conteúdos e materiais REALMENTE ÚTEIS sobre franquias

Fique tranquilo, não faremos SPAM e nem venderemos seu email.